Busca:

Dólar presiona o mercado agrícola


Os preços das commodities agrícolas cederam de Nova York a Chicago, ontem, com investidores e outros participantes do mercado realizando lucro sobre os fortes ganhos recentes.

A alta do dólar, que torna os produtos negociados nessa moeda mais caros para os importadores, e o ainda baixo volume de negócios também influenciaram esse movimento. Açúcar, café e cacau, negociados na nova-iorquina ICE Futures, lideraram as perdas. O contrato março do açúcar recuou 3,49%, para 31 centavos de dólar por libra-peso.

O mesmo vencimento do cacau se desvalorizou 3,39%, para US$ 2.932 por tonelada, e o do café cedeu 2,31%, a 234,95 centavos por libra-peso.

Em Chicago a queda também foi generalizada nos mercados de grãos, após os preços baterem nos maiores níveis em mais de dois anos na última semana de 2010. A expectativa de temperaturas amenas e chuvas nas áreas produtoras da Argentina foi outro fator a pressionar o valor desses produtos. O contrato março da soja cedeu 0,69%, para US$ 13,6950 por bushel, seguido pelo milho, com queda de 1,93%, a US$ 6,0850 e pelo trigo, que se desvalorizou em 2,02%, para US$ 7,8925.

O único mercado a destoar dos demais foi o do algodão, que subiu 1,11% para 143,78 centavos de dólar por libra-peso. A oferta do produto é restrita enquanto segue forte a demanda na China, maior consumidor mundial da fibra.

Fonte: Estadão

Post Relacionados

2 Comentários

RSS de comentários. TrackBack URI

  1. […] câmbio, o Banco Central conseguiu levantar o dólar com uma dupla atuação – swap cambial reverso e compra à vista. Assim, a moeda fechou na […]

    Pingback por Mercado na defensiva, Bovespa perde 1,22% | Bovespa Acoes — 2 de maio de 2011 #

  2. […] um volume de negócios reduzido, uns 2.931 milhões de dólares, a Bovespa, acompanhou os mercados externos e superou sua […]

    Pingback por Dólar tem pequeno aumento após jornada positiva na Bolsa de São Paulo — 28 de outubro de 2011 #

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>