Busca:

Em dia movimentado no mercado, Bovespa recua e dólar fecha a R$ 1,805


Em dia movimentado para o mercado financeiro, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) registrou queda de 0,48% em seu principal índice, o Ibovespa, aos 66.384 pontos. O destaque ficou para alta do dólar, que valorizou 1,12%, fechando a R$ 1,8050 na venda. Trata-se do maior nível da divisa americana em relação ao real desde 9 de janeiro, quando fechou a R$ 1,8347. Foi a primeira vez que a cotação fechou acima de R$ 1,80 desde 11 de janeiro.

DOL12

A desvalorização da bolsa foi reflexo da medida do Ministério da Fazenda de estender de três para cinco anos a cobrança do Imposto sobre Operação Financeira para capitais externos. Além disso, no cenário internacional, a China divulgou que sua balança comercial teve déficit de US$ 31,48 bilhões em fevereiro, maior perda desde 1989.

As exportações do país asiático cresceram 18,4% na comparação do ano, chegando a US$ 114,47 bilhões. No mesmo sentido, as importações subiram 39,6%, a US$ 145,96 bilhões. O comércio exterior da China teve alta de 7,3%, atingindo US$ 533,03 bilhões nos primeiros dois meses de 2012, com um déficit total de US$ 4,25 bilhões.

Segundo Alfredo Sequeira, superintendente da Fator Corretora, a medida de regulação do governo na política financeira não foi bem vista pelo investidor estrangeiro, mas frisou que a ação é legítima porque atitudes semelhantes vêm sendo adotadas em todo o mundo para frear a entrada de capitais.

Sequeira também lembrou que nesta segunda-feira (12) foi anunciada a primeira pesquisa Focus, realizada pelo Banco Central (BC), após o corte mais forte da taxa de juros (Selic), na semana passada, na qual o mercado financeiro passou a prever, pela primeira vez, que a inflação de 2013 será maior que a alta dos preços em 2012. De acordo com as séries históricas do BC, o levantamento semanal divulgado nesta segunda-feira é o primeiro que mostra essa inversão: as expectativas aponta para inflação de 5,27% em 2012 e IPCA de 5,50% em 2013. Sequeira acredita que essa seja uma reação do setor bancário à previsão de maior queda da Selic até o fim do ano.

“Hoje foi divulgada a pesquisa Focus, a primeira após o corte na Selic, e embora os índices de inflação estejam mostrando queda, o mercado elevou a expectativa do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 2013. Acredito que seja uma resposta dos banqueiros à redução da taxa de juros. A pesquisa também revisou as expectativas da Selic de 9,5% para 9%”, disse.

Mercado

O destaque negativo no mercado ficou para as empresas vinculadas à mineração, por conta dos resultados da China, maior exportadora de minério de ferro do mundo. Sequeira apontou o relatório divulgado pela Fundação Mudes, que deflagrou impacto negativo da demanda de aço no país.

“O relatório negativo sobre a demanda de aço no país divulgado pela Fundação Mudes, apontando que o crescimento da demanda pode diminuir para uma taxa perto da metade do que se registrava nos últimos três anos causou turbulência no mercado”, afirmou.

Assim, as ações ordinárias da mineradora Vale do Rio Doce caíram 1,19%, a R$ 40,62. A também mineradora MMX apresentou queda após revisão para baixo de seu rating. O papel ordinário da companhia teve desvalorização de 2,30%, a R$ 8,93.

Também tiveram destaque as baixas das ações do grupo Pão de Açúcar, que haviam se valorizado bastante nos últimos dias. Isto porque existia um rumor de reorganização na estrutura da empresa, mas a empresa informou que não está nos planos de curto prazo tal atitude. O papel preferencial teve queda de 2,08%, a R$ 84,70.

O conglomerado Hypermarcas abriu o pregão em forte queda por causa do fraco desempenho da empresa no último trimestre. No entanto, analistas de mercado realizaram uma conferência com executivos da empresa, onde foi afirmado que o comportamento deste trimestre não será repetido. Isto arrefeceu as oscilações de suas ações na bolsa, atingindo valorização no final da sessão. Os papéis ordinários tiveram alta de 2,53%, a R$ 11,74.

Post Relacionados

Sem comentários

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil