Busca:

Euro afetado pela prisão do presidente do FMI


A prisão do diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Dominique Strauss-Kahn, por tentativa de estupro provocou efeitos na cotação do euro em relação ao dólar. De acordo com a BBC Brasil, a moeda europeia caiu hoje (16) ao ponto mais baixo registrado nas seis semanas.

Dinero_Bolsillo

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, chegou a afirmar que há "boas razões" para a Europa ter um candidato pronto para o cargo máximo do FMI, mas se negou a comentar a eventual saída de Strauss-Kahn do cargo de diretor-gerente.

O francês – de 62 anos, casado – foi detido na noite do último sábado (14) em Nova York, sob a acusação de atacar sexualmente a camareira de um hotel. Strauss-Kahn participaria hoje de uma reunião em Bruxelas sobre a concessão de ajuda financeira à Grécia e a outros países europeus endividados.

 

O FMI informou que o vice-diretor-gerente do fundo, John Lipsky, ocupa interinamente o cargo de diretor-gerente durante a ausência de Strauss-Kahn. A chanceler alemã também estaria no encontro.

As acusações contra Strauss-Kahn também mudaram o cenário da corrida presidencial francesa. A candidatura dele ainda não havia sido anunciada, mas esperava-se que ele concorresse à Presidência pelo Partido Socialista, já que pesquisas de opinião mostravam que ele contava com boa vantagem sobre o atual presidente Nicolas Sarkozy, que deve concorrer à reeleição em abril de 2012.

Post Relacionados

Sem comentários

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil