Busca:

No mercado financeiro, a cotação do dólar caiu para R$ 1,590


O dólar continua a recuar, alinhado ao movimento internacional de moedas, marcado pela recuperação do euro, em um dia de menor aversão ao risco. Há ainda um espaço para correção técnica, já que a moeda americana avançou 1,33% no acumulado da semana passada, chegando perto de R$ 1,60, um teto psicológico.

DOL1

O operador de câmbio Renascença Corretora, José Carlos Amado, explica que "o mercado está operando dentro de um espaço de oscilação confortável", entre R$ 1,585 e R$ 1,60. "Quando o dólar se aproxima de R$ 1,585, aparecem compradores, ao passo que, ao chegar perto de R$ 1,60, são atraídos vendedores", afirma. Porém, em sua opinião, não se trata de patamares de suporte e resistência difíceis de serem ultrapassados. "O dólar pode recuar mais, dependendo da melhora do cenário no exterior, ao mesmo tempo em que, se a situação piorar, pode passar de R$ 1,60", diz.

Por volta das 12h, o dólar comercial declinava 0,43%, cotado a R$ 1,588 na compra e a R$ 1,590 na venda. No mercado futuro, o contrato de julho negociado na BM&FBovespa recuava 0,46%, a R$ 1,596. No mercado de câmbio externo, o Dollar Index, que mede o desempenho do dólar em relação a uma cesta de seis moedas, caía 0,33%, aos 74,59 pontos. O euro, por sua vez, observava alta ante a divisa americana de 0,33%, a US$ 1,439.

As commodities recuperavam as perdas observadas mais cedo. Minutos atrás, o índice CRB operava com ligeira queda, de 0,04%, aos 347,9 pontos. Na mínima, foi a 346,81 pontos. No mercado acionário, os investidores de Wall Street mostravam otimismo, devido a notícias corporativas. Nesta manhã, por exemplo, a VF Corporation, dona das marcas The North Face, Wrangler, Lee, Nautica, Reef e Kipling, anunciou a compra da fabricante de calçados e roupas Timberland por US$ 2 bilhões.

O Wendy’s/Arby’s Group informou que vai vender a rede de lanchonetes Arby’s para o Roark Capital Group em uma transação estimada em US$ 430 milhões. A companhia espera manter uma participação minoritária na rede de lanchonetes de 18,5%.

Minutos atrás, o Dow Jones subia 0,25%, aos 11.982 pontos, enquanto o S&P 500 aumentava 0,20%, aos 1.274 pontos. Por fim, o Nasdaq registrava leve ganho de 0,09%, aos 2.646 pontos. Por aqui, o índice Bovespa operava no sentido inverso, com baixa de 0,27%, aos 62.529 pontos.

Na agenda desta segunda-feira, não está prevista a divulgação de nenhum indicador relevante no exterior. À noite, porém, será divulgada uma bateria de dados de peso na China, como as vendas do varejo e a produção industrial em maio.

Nesta jornada, os investidores analisam a notícia de que os bancos chineses emprestaram menos dinheiro no mês passado. Segundo dados do Banco Central da China, foram gerados 551,6 bilhões de yuans (US$ 85 bilhões) em empréstimos no mês passado, depois dos 739,6 bilhões de yuans em abril, uma queda de 25% e abaixo dos 650 bilhões de yuans previstos.

Post Relacionados

Sem comentários

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil